BIBLIOTECA PÚBLICA ESTADUAL DE MINAS GERAIS – Setor de Empréstimo Domiciliar
Setor de Empréstimo Domiciliar

DOSTOIÉVSKI, Fiódor. Noites Brancas. Chile: Sociedade Comercial y Editorial Santiago LDA, 1988. 92p.


Fiódor Mikhailovitch Dostoiévskifoi um escritor do Império Russo. É considerado um dos maiores romancistas e pensadores da história. A influência de Dostoiévski é ímpar: ele influenciou diretamente a Literatura, a Filosofia, a Psicologia e a Teologia. É conhecido como “fundador do existencialismo”.

Noites Brancas, é uma novela de Dostoiévski, de 1848. A história se passa em São Petersburgo, no século XIX, em que um homem solitário vaga pela cidade, deixando que os sentimentos passem por ele, enquanto caminha pelas ruas, esquinas e calçadas.

A história é narrada fazendo parecer tudo muito real, os sentimentos são evidenciados de maneira plausível. A cidade de São Petersburgo, também é um personagem do romance. Toda a história se passa em apenas quatro noites brancas.

Noites Brancas é narrada em primeira pessoa. Possui ênfase no amor impossível. Esta obra analisa o tema da solidão e do amor. A história tem como personagem principal um sonhador que se apaixona perdidamente por uma jovem.

Um dia, durante uma caminhada noturna, encontra uma mulher chorando, encostada no parapeito de um canal. Ao ajudá-la, começa a se aproximar da moça e dá início a um amor terno e delicado. Porém, é um amor platônico, pois a moça é apaixonada por outro. O protagonista idealiza este amor. Isto ocorre em apenas quatro noites, que ele se encontra com ela.

As noites brancas de São Petersburgo se referem a um fenômeno climático que marca a cidade em certa fase do verão: o sol nunca chega a se pôr completamente e as noites conservam uma constante luminosidade de crepúsculo.

Dostoiévski, ao escrever uma história curta, mas com muito lirismo, nos passa o verdadeiro significado da efemeridade do ato de amar. Um júbilo de amor em apenas quatro Noites Brancas.


Resenha por Jacquelline Christina Oleto Viana
Servidora da Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais