×

Erro

Passed variable is not an array or object, using empty array instead

Evento vai contar com a presença de profissionais da área e uma homenagem à Escola de Ciência da Informação
 
Em celebração ao Dia do Bibliotecário, a Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais promove um encontro entre os profissionais da área nesta quinta-feira (12/3). A partir do tema “O Papel do Bibliotecário no Século XXI”, o evento vai contar com um bate-papo e uma homenagem aos 70 anos da Escola de Ciência da Informação (ECI) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A atividade é aberta ao público e acontece das 14h às 16h, no Teatro José Aparecido. 
 
Durante a atividade, os palestrantes convidados, professores da ECI Marília Paiva, Rene Lommez e Terezinha de Fátima Carvalho de Souza, vão conversar com o público a respeito dos desafios da profissão em tempos de um mundo cada vez mais tecnológico e digital. Além disso, a atividade vai contar com a participação da bibliotecária norte-americana Amy Horning Loustau, de Boston. Funcionária da Biblioteca da Universidade de Boston, ela está em Belo Horizonte realizando um laboratório a respeito do perfil dos leitores brasileiros.
 
Segundo a diretora do Livro, Leitura e Literatura e Bibliotecas da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult), Alessandra Gino, o evento, além de relembrar a importância do papel do bibliotecário, é uma oportunidade para pensar o futuro da profissão. “Realizar esse ciclo de palestras é muito importante para todos os que atuam com a gestão da informação. É uma grande chance de debatermos ideias, trocar experiências e permitir que outras pessoas conheçam um pouco mais da rotina do nosso trabalho”, destaca. 
 
Homenagem à ECI
Criada na década de 1950, a Escola da Ciência da Informação (ECI) da UFMG completou, em 1º de março de 2020, 70 anos de história. A instituição é uma das responsáveis pela formação de novos profissionais de Biblioteconomia e de cursos relacionados à gestão da informação. É por esse motivo que, durante o bate-papo, a ECI será homenageada pela Biblioteca Pública Estadual com um diploma em alusão aos seus 70 anos de atuação no ensino. 
 
Dia do Bibliotecário
O Dia do Bibliotecário foi comemorado pela primeira vez em 12 de março de 1980. A data foi instituída em 1980 como uma homenagem a Manuel Bastos Tigre, jornalista, poeta e publicitário, considerado o primeiro bibliotecário concursado do país. Ele nasceu em 12 de março de 1882, no Recife (PE), e faleceu em 1º de agosto de 1957, no Rio de Janeiro (RJ).